11 de maio de 2021

EM SUMA NOTICIAS

O resumo do dia do mundo para você.

Trabalhadores do Rio de Janeiro protestam contra o Prefeito Eduardo Paes.

2 min read

Trabalhadores de diversos setores do Rio de Janeiro se reuniram em protesto, neste sábado (3), contra as medidas severa de lockdown e isolamento social.

A manifestação se concentrou na Praia de Copacabana, Zona Sul da capital, e contou com a presença de lideranças do setor de comércio e serviços e também do deputado federal Marcio Labre (PSL-RJ).

O ato foi promovido pelo movimento “Cariocas pelo Trabalho” e reivindicou o “fim imediato do lockdown e o respeito às cláusulas pétreas da Constituição sobre o direito de ir e vir, ao trabalho e ao lazer”.

Atento ao “Covidão”, o grupo cobrou do prefeito, Eduardo Paes (Democratas), a “prestação de contas das verbas destinadas ao combate à Covid-19” e ainda a “inclusão da categoria nos planos prioritários de vacinação”.

Em defesa dos trabalhadores, Labre explicou que, para os manifestantes, não há outra forma de levar comida para casa, se não for pelo trabalho. Pois, muitos são autônomos.

“Estou ao lado daqueles que são ignorados pelo discurso ‘fique em casa’. Para eles, não há home office possível. Para eles, não há outra forma de levar comida para casa a não ser ir para a rua trabalhar.

O lockdown destrói essas famílias. Também são vidas que precisam ser salvas. O radicalismo do lockdown é perverso com estes trabalhadores”, destacou.

No início de março deste ano, a orla que compreende os bairros de Ipanema e Leblon, também na Zona Sul, já havia sido palco de outro protesto organizado por empresários, comerciantes e trabalhadores do setor gastronômico em geral contrários às insistentes medidas restritivas no combate à Covid-19, determinadas pela Prefeitura fluminense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.