6 de maio de 2021

EM SUMA NOTICIAS

O resumo do dia do mundo para você.

Idosa apanha da filha por tentar ir à culto.

2 min read

Mãe apanha da filha porque tentava ir à igreja na pandemia.

A mulher não queria deixar a mãe sair por conta dos casos de covid-19 na Capital de Campo Grande MS

Uma mulher de 67 anos foi agredida por sua filha de 48 anos por tentar ir à igreja em meio a pandemia do novo coronavírus. O caso aconteceu na última segunda-feira (8), em Campo Grande (MS).

De acordo com as informações, a filha morava com os pais há dois anos, pois eles estavam com problemas de saúde. Segundo registrado pela polícia, a mulher passou a beber e a ficar muito agressiva.

Delegada Sueli explica que mulheres também podem responder pela Lei Maria da Penha

“Nesse dia, ela havia bebido muito, e a mãe se arrumou com máscara e tudo e falou que ia para a igreja. A filha disse que ela não ia, e passou a segurar e a chacoalhar a mãe com força”, descreve a delegada Sueli Araújo Lima Rocha.

Conforme disse a delegada, a filha não queria que a mãe saísse por conta do aumento dos novos casos da Covid-19. O pai se envolveu na história, e tentou defendê-la.

A mulher unhou a mãe e deixou cortes com sangramento. A vítima acionou a Polícia Militar e ambas foram encaminhadas à Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher).

A filha foi presa em flagrante por violência doméstica dolosa. Ela já passou por audiência de custódia e irá responder em liberdade.

“Vale ressaltar que mulheres também podem responder pela Lei Maria da Penha, principalmente quando se verifica a violência de gênero diante da subordinação da mulher em relação à outra”, explicou a delegada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.